Alok

alok

Alok Achkar Peres Petrillo (pronuncia-se “alóqui”) (Goiânia, 26 de agosto de 1991) é um DJ e produtor musical brasileiro de música eletrônica. Seus pais foram os percursores do psy trance no país, criando um dos festivais mais famosos do país, Universo Paralelo. Ele começou a tocar profissionalmente aos 12 anos ao lado de seu irmão gêmeo Bhaskar até 2010, quando decidiu seguir carreira solo, mudando de gênero para o house music, denominado por ele de Brazilian bass. Aos 19 anos seguiu carreira solo transformando-se em um dos ícones mais proeminentes da cena eletrônica brasileira, com honrarias e prêmios, tais como; “Melhor DJ do Brasil” pela DJ Magazine em 2015, e único brasileiro no top 25 do mundo no ano seguinte.

Alok também é idealizador da gravadora UP Club Records, uma gravadora especializada em descobrir novos talentos da música eletrônica.

Biografia

Alok nasceu na cidade de Goiânia, Brasil em 26 de agosto de 1991. Filho dos DJ’s Ekanta e Swarup, eles foram casados até sua infância. Eles foram os pioneiros do psy trance no país e idealizadores do Universo Paralello, festival de música eletrônica anual da praia de Pratigi, na Bahia. Seu nome veio depois de seus pais viajarem para Índia, onde se encontraram com o guru espiritual Osho, que indicou que o menino deveria se chamar Alok, que na língua sânscrita significa “luz”.

Chegou a morar em Amsterdã, Alto Paraíso, Londres, São Paulo porém na sua adolescência se radicalizou em Brasília, Brasil.

Depois de terminar o ensino médio na escola La Salle, ele iniciou um curso pré-vestibular, e com 19 anos ele iniciou a faculdade de Relações Internacionais na Universidade Católica de Brasília, por achar que a música era algo instável. Além de trabalhar como DJ, no quarto semestre da faculdade, ele teve de deixar o curso por não conseguir conciliar com os shows.